portfolio


About :

PORTUGUES     ENGLISH

É difícil precisar quando Jacques Dequeker apaixonou-se pela fotografia. Do primeiro contato com as imagens nas estampas feitas em camisetas às diferentes assistências, Dequeker trilhou o seu próprio caminho na fotografia de moda. Autodidata, gaúcho de nascimento, mas cidadão do mundo, este franco-brasileiro completou pouco mais de dez anos atrás das objetivas em voo solo. Neste período, acumulou prêmios de melhor fotógrafo de moda pela ABIT (Associação Brasileira da Indústria Têxtil) e na Bienal de Fotografia de Roma. Esta, com imagens subaquáticas de tubarões, uma de suas paixões e parte de seu trabalho pessoal.
Determinado e obstinado, as influências de seus “mestres” Salvador Dalí e Helmut Newton, entre outros, são personificadas nas suas mulheres-heroínas. Ele encara a moda como um universo lúdico e cria histórias sem parar. A partir da Sputnik achada em uma feira de antiguidades, uma câmera russa 3D dos anos 50, ele inovou fazendo editorias e campanhas em terceira dimensão e até um desfile-filme em uma das edições da São Paulo Fashion Week. Habitué das principais publicações de moda brasileiras, o seu voo foi além da imagem estática. A paixão ampliou-se para a imagem em movimento, de maneira natural. Os fashion films produzidos pela sua produtora  lhe renderam a participação no La Jolla Fashion Film Festival, nos EUA, além do Kikito de melhor fotografia de curta metragem com Polaroid Circus, no Festival de Cinema de Gramado de 2011. Em março de 2013 ele cria a DQKER fashion films.
Em 2014 recebe o prêmio de "melhor diretor " no

1st INTERNATIONAL FASHION FILM AWARDS,  em Los Angeles.


É difícil precisar quando Jacques Dequeker apaixonou-se pela fotografia. Do primeiro contato com as imagens nas estampas feitas em camisetas às diferentes assistências, Dequeker trilhou o seu próprio caminho na fotografia de moda. Autodidata, gaúcho de nascimento, mas cidadão do mundo, este franco-brasileiro completou pouco mais de dez anos atrás das objetivas em voo solo. Neste período, acumulou prêmios de melhor fotógrafo de moda pela ABIT (Associação Brasileira da Indústria Têxtil) e na Bienal de Fotografia de Roma. Esta, com imagens subaquáticas de tubarões, uma de suas paixões e parte de seu trabalho pessoal.
Determinado e obstinado, as influências de seus “mestres” Salvador Dalí e Helmut Newton, entre outros, são personificadas nas suas mulheres-heroínas. Ele encara a moda como um universo lúdico e cria histórias sem parar. A partir da Sputnik achada em uma feira de antiguidades, uma câmera russa 3D dos anos 50, ele inovou fazendo editorias e campanhas em terceira dimensão e até um desfile-filme em uma das edições da São Paulo Fashion Week. Habitué das principais publicações de moda brasileiras, o seu voo foi além da imagem estática. A paixão ampliou-se para a imagem em movimento, de maneira natural. Os fashion films produzidos pela sua produtora  lhe renderam a participação no La Jolla Fashion Film Festival, nos EUA, além do Kikito de melhor fotografia de curta metragem com Polaroid Circus, no Festival de Cinema de Gramado de 2011. Em março de 2013 ele cria a DQKER fashion films.
Em 2014 recebe o prêmio de "melhor diretor " no

1st INTERNATIONAL FASHION FILM AWARDS,  em Los Angeles.


It is hard to say exactly when Jacques Dequeker fell in love with photography. From the images of his t-shirt printing times to the first jobs as an assistant, Dequeker has carved his own path into fashion photography. He was born in the southernmost state of Rio Grande do Sul in Brazil, but is definitely a citizen of the world. A self-learner, the French-Brazilian national has been shooting on his own for a little over ten years now. In this past decade, he has been given the Best Photographer Award by ABIT (The Brazilian Textile Industry Association) and has taken part in the Rome Art Biennial, with underwater shark pictures, one of his greatest passions. The influence of his “masters” Salvador Dali and Helmut Newton can be seen in his female heroes. He sees fashion as a playful world and creates all the time. Using a Sputnik, a 1950s Russian 3D camera he found at an antique market, he innovated doing campaigns, editorials, and even a fashion show film in 3D for the Sao Paulo Fashion Week. A regular in major Brazilian fashion publications, Dequeker has gone beyond the still image and naturally moved into motion. Fashion films produced by Dequeker have got him into the La Jolla Fashion Film Festival in the US and, in 2011, he was awarded the Kikito for Best Cinematography with his short film Polaroid Circus. In march 2013 he creates DQKER fashion films .
in 2014 he won  as "best director"  in the 1st INTERNATIONAL FASHION FILM AWARDS,
 in  Los Angeles.


-WORK-
fashion
share
  |  

10 Pictures
fashion
share
  |  

10 Pictures
fashion
share
  |  

11 Pictures
fashion
share
  |  

10 Pictures

LOAD MORE +
CLICK TO VIEW MORE GALLERIES